Mês: setembro 2019

Curso de Análise Sensorial

Postado em Atualizado em

O Essencial para produtores de bebidas artesanais!

Não é curso de off-flavour e não é degustação. É um mini curso temático de Análise Sensorial com teoria e prática de algumas metodologias.

Será dia 05 de outubro galera!
Inscrições pelo site https://www.utopiabiergarten.com/eventos

Desconto para associados da ASH!

VAGAS LIMITADAS!

Já inscreveu seu Hidromel para Copa Kylix 2019?

Postado em Atualizado em

Tá acabando o prazo pessoal!!!

As inscrições e pagamento das amostras da III Copa Kylix encerram dia 30/09 e o prazo de entrega encerra dia 04/10!!!

Não perca mais tempo e garanta que sua amostra será inscrita e chegará a tempo!!!

Maiores informações:
http://www.copakylix.com.br

Como inscrever amostras nos concursos BJCP de Hidromel: Estilos e ingredientes.

Postado em

Após um debate interno entre os associados da ASH, a organização da Copa Kylix foi atrás de mais informações junto ao BJCP para esclarecer algumas dúvidas que surgiram acerca de como inscrever certas amostras.

Vamos as informações:
– Bouchet (mel caramelizado):

Apesar de ainda se tratar de mel, a caramelização modifica o ingrediente fazendo que com isso não pertença mais à categoria original. Daremos dois exemplos:
– Um hidromel feito apenas com mel, sendo uma parte ou todo ele caramelizado. Neste caso a amostra não mais pertence a categoria M1, pois a caramelização modifica o insumo descaracterizando-o como apenas mel. Ele deve ser inscrito, portanto, na categoria M4, podendo ser inscrito na categoria Historical Mead (M4B) ou Experimental (M4C). Historical Mead (M4B), pois bouchet é um nome histórico dado para os hidroméis feitos com mel caramelizado, tendo um nome próprio. Experimental Mead (M4C), pois trata-se de um uso “incomum” para o mel, pois modificamos suas características tornando-o um ingrediente (ou considerado um processo diferente de manuseio do ingrediente) não listado nas categorias especificas.

– Um hidromel que normalmente entraria em outra categoria por conter um ingrediente previsto nesta categoria (por exemplo, frutas). Pelo fato de que a caramelização do mel o transforma em ingrediente incomum (ou considerado um processo diferente de manuseio do ingrediente), isto o transforma em Experimental Mead (M4B)(visto que esta categoria recebe todos aqueles hidroméis que não se encaixam em nenhuma das outras categorias, seja por combinação de estilos não prevista, seja por processo inusitado de produção da bebida).

– Braggot (hidromel com malte):

Braggot é todo hidromel feito com malte, podendo ou não conter lúpulo, podendo ainda ser um blend entre uma cerveja e um hidromel. Usualmente usa-se um estilo de cerveja como base para a produção deste estilo, pois assim sabemos o que esperar sensorialmente. Porém atente para o detalhe que a descrição fala em malte e possivelmente lúpulo, não citando quaisquer outros ingredientes que possam ser utilizados na fabricação de cerveja, com isso queremos esclarecer que outros ingredientes (frutas, condimentos, etc.) não se enquadram nesta categoria, mesmo que o estilo base preveja estes ingredientes. Fruit beers, por exemplo, transformam o braggot em Experimental Mead M4C), já que a adição de outros insumos que não seja malte NÃO está prevista neste estilo. Caso seja feito um blend com uma cerveja que contenha estes ingredientes, segue a mudança para a categoria Experimental Mead (M4C).

– Outros “estilos” históricos

Algumas pessoas costumam chamar alguns tipos específicos de hidromel por nomes que se firmaram ao longo do tempo, podendo ser considerados históricos na maioria dos casos, mas para fins de concurso esses nomes não são validos para enquadrar estas amostras na categoria Historical Mead (M4B). Esses hidroméis contem ingredientes que os enquadram em outras categorias, invalidando o aspecto “histórico”. Para citarmos alguns exemplos temos Morat, Rhodomel, Capsicumel, Acerglyn, etc. Estilos como os poloneses tradicionais, por exemplo, ainda podem ser inscritos como Historical Mead (M4B).

Portanto, preste atenção na hora de inscrever sua amostra para não errar de categoria e não desenvolver todo o potencial que sua amostra tem.

IX Seminário Regional de Meliponicultura abre espaço para o Hidromel

Postado em

O IX Seminário Regional de Meliponicultura abre espaço para troca de ideias sobre Hidromel e contará com a presença do associado Guga Eidt para falar sobre o tema.

O Seminário, realizado pela AMEVAT- Associação dos Meliponicultores do Vale do Taquari, acontece dia 19 de outubro em Lajeado, Rio Grande do Sul e reúne criadores de abelhas sem ferrão de todo estado Estado no Parque do Imigrante, a partir das 8:30h.

Espalhando conhecimento

Postado em Atualizado em

E desde o dia 09 de setembro temos 19 novos apicultores de Nova Petrópolis que sabem mais sobre Hidromel e daqui a 15 dias vão fazer a sua primeira leva (estaremos acompanhando).

Parabéns à todos participantes da NOVAMEL Associação de Apicultores e Meliponicultores de Nova Petrópolis e tenham ótimas fermentações!

Obrigado ao nosso associado Sandro Hillebrand por transmitir os seus conhecimentos.